19 de Junho de 2024.

  • ico-capa-01-facebook.png
  • ico-capa-01-twitter.png
  • ico-capa-01-whatsapp.png

Presidência Domingo, 02 de Julho de 2023, 00:37 - A | A

Domingo, 02 de Julho de 2023, 00h:37 - A | A

mulheres no esporte

Lula defende futebol feminino e destaca investimento na área

"Eu sonho que um dia o futebol feminino possa lotar os estádios como o futebol masculino"

Giovanna Bitencourt/Fatos de Brasília

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) defendeu, nesse sábado (1º.07), o espaço feminino no futebol, ao afirmar a necessidade de garantir a prática de esporte às mulheres na mesma proporção que é oferecida aos homens.

“Nas escolas, tem que ter espaço de futebol. Vocês têm que escolher o que vocês querem praticar, e a escola tem que se adaptar à vontade e às necessidades das alunas que querem praticar futebol”, disse Lula durante encontro com as jogadoras da seleção brasileira feminina de futebol.

O presidente esteve no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, para acompanhar o treino da equipe e desejou boa sorte na Copa do Mundo. A competição começa dia 20 de julho na Austrália e na Nova Zelândia. Neste domingo (02), a arena será palco do último amistoso da seleção brasileira antes da competição.

Lula disse sonhar com o futebol feminino lotando os estádios, assim como o futebol masculino. De acordo com ele, é necessário politizar a sociedade. O presidente ainda acrescentou que é preciso garantir ainda a igualdade de pagamentos entre todos os jogadores, homens e mulheres.

"Eu sonho que um dia o futebol feminino possa lotar os estádios como o futebol masculino. É um trabalho de politização da sociedade, é um trabalho de divulgação, é um trabalho de convencimento”, apontou o presidente.

Segundo o presidente, as equipes brasileiras de vôlei, por exemplo, tanto masculina como feminina, tiveram uma "ascensão exuberante" em razão dos grandes investimentos. "No futebol tem que ser assim", enfatizou.

Em março, Lula assinou decreto que cria a Estratégia Nacional para o Desenvolvimento do Futebol Feminino no país. O programa, sob responsabilidade do Ministério do Esporte, prevê medidas de promoção do desenvolvimento do futebol profissional e amador, ampliação dos investimentos e formação técnica para meninas e mulheres no mercado da bola.

Leia também - Deputados buscam apoio para PL de anistia que pode beneficiar Bolsonaro

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

Comente esta notícia

icon facebook icon twitter icon instagram icon whatsapp

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 02 - JD. IMPERADOR VÁRZEA GRANDE / MT

(65) 3029-5760 | (65) 99957-5760