24 de Fevereiro de 2024.

  • ico-capa-01-facebook.png
  • ico-capa-01-twitter.png
  • ico-capa-01-whatsapp.png

Senado Terça-feira, 20 de Junho de 2023, 11:29 - A | A

Terça-feira, 20 de Junho de 2023, 11h:29 - A | A

veja vídeo

Senadora manda deputado “calar a boca” durante CPI do 8 de janeiro: “Vai gritar em outro lugar”

Senadora subiu o tom depois que Éder Mauro a interrompeu durante questionamentos ao ex-diretor da PRF

Lucione Nazareth/Fatos de Brasília

A senadora Eliziane Gama (PSD-MA), relatora da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investiga as invasões ocorridas às sedes dos Três Poderes em Brasília no dia 8 de janeiro, mandou o deputado federal, Delegado Éder Mauro (PL-PA) “calar a boca” ao tentar interferir de forma exaltada enquanto ela fazia perguntas ao ex-diretor da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Silvinei Vasques.

Silvinei foi convocado pelo colegiado para falar sobre a atuação da PRF no 2º turno das eleições de 2022, quando bloqueios foram montados em estradas, em especial no Nordeste, mesmo proibidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Ele é réu por pedir votos irregularmente para o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), fazendo uso indevido de sua função. Silvinei se aposentou na reta final do mandato do ex-gestor.

Durante o depoimento de Silvinei Vasques ocorreu um bate-boca generalizado entre os parlamentares após a relatora da CPMI, Eliziane Gama, questionar o ex-diretor da PRF sobre uma condenação em 2017 por agressão contra um frentista em Santa Catarina. O trabalhador alegou que foi agredido após se recusar a lavar um carro da Polícia Rodoviária Federal.

A pergunta irritou parlamentares da oposição. O deputado Delegado Éder Mauro, que não é membro da CPMI, começou a gritar no momento em que Eliziane indagou Vasquez, iniciando um bate-boca. "Eu não estou fazendo uma pergunta para responder o que eu quero. Estou pedindo para ele não enrolar, estou pedindo para ele responder o que perguntei. Agora não vou permitir que o depoente venha para para tripudiar em cima dessa relatoria. E não vou permitir que deputado aqui venha cercear minha voz. Deputado você nem é integrante dessa comissão", disparou Eliziane a Éder.

O deputado  levantou o dedo e começou a gritar com a senadora, que declarou: "Simplesmente se cale porque nesse momento quem está falando aqui é a relatoria da comissão. Vai gritar em outro lugar, cala a boca". Confira vídeo do bate-boca no final da matéria.

Leia Também - Governo sanciona retorno do exame toxicológico obrigatório para motoristas profissionais

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

Comente esta notícia

icon facebook icon twitter icon instagram icon whatsapp

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 02 - JD. IMPERADOR VÁRZEA GRANDE / MT

(65) 3029-5760 | (65) 99957-5760