24 de Fevereiro de 2024.

  • ico-capa-01-facebook.png
  • ico-capa-01-twitter.png
  • ico-capa-01-whatsapp.png

Política Quarta-feira, 07 de Junho de 2023, 07:48 - A | A

Quarta-feira, 07 de Junho de 2023, 07h:48 - A | A

inquérito

PF irá investigar responsáveis por “pagamento indevido” em auxílios a caminhoneiros e taxistas

CGU identificou pagamentos indevidos na ordem de quase R$ 2 bilhões em auxílios para caminhoneiros e taxistas

Lucione Nazareth/Fatos de Brasília

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, disse nessa terça-feira (06.06) que a Polícia Federal irá investigar os agentes responsáveis pelos pagamentos indevidos no auxílio taxista e auxílio caminhoneiro em 2022.

Na semana passada, a Controladoria Geral da União (CGU) publicou auditorias que constataram que o Governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) destinou, de maneira irregular, quase R$ 2 bilhões aos auxílios para caminhoneiros e taxistas. O pagamento dos benefícios foi realizado entre julho e dezembro de 2022.

Segundo as auditorias, ao todo foram pagos R$ 582,8 milhões destinados a 110.051 pessoas que estavam irregularmente inclusas no auxílio caminhoneiro, enquanto R$ 1,395 bilhões foram pagos a 314.025 inclusas, também de maneira indevida, no auxílio taxista.

Flávio Dino afirmou que os relatórios da CGU serão enviados à Polícia Federal para investigação dos agentes responsáveis pelos pagamentos indevidos.

Leia Mais - Câmara confirma cassação de Dallagnol

Siga a página do VGNotícias no Facebook e fique atualizado sobre as notícias em primeira mão (CLIQUE AQUI).

Entre no grupo do VGNotícias no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI).   

Comente esta notícia

icon facebook icon twitter icon instagram icon whatsapp

RUA CARLOS CASTILHO, Nº 50 - SALA 02 - JD. IMPERADOR VÁRZEA GRANDE / MT

(65) 3029-5760 | (65) 99957-5760